É o que basta.

Basta uma gotinha percorrer o meu rosto, sentir aquele gostinho salgado e suspirar pra inspiração invadir. Seria, então, a oportunidade de deixar fluir o que se sente ou o magnífico espetáculo do acaso se confirmando em palavras? De qualquer forma, com qualquer nome isso é o que basta.

1 comentários:

Kim Aniston disse...

Nossa! que coisa linda de ser ler reler...isso é "amor"...e só isso basta...lindo de viver...!

Postar um comentário